segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Einstein e Chaplin...

Foto em preto-e-branco. Entre um grupo de pessoas, ao centro, Einstein e Charles Chaplin lado a lado, nesta ordem, Chaplin é mais baixo que Einstein, um idoso de pele branca, rosto redondo, cabelos brancos sem corte e em desalinho, sobrancelhas curtas, olhos amendoados, nariz  reto com narina larga e bigode espesso. Chaplin, um senhor de pele clara, rosto oval, cabelos grisalhos curtos penteados à esquerda, sobrancelhas retas, olhos amendoados, nariz afilado e lábios grossos. Ambos usam smoking com gravata borboleta  e seguram chapéus, Einstein carrega sobre o antebraço esquerdo, um casacão xadrez. Sobreposto à foto em letras brancas lê-se: Einstein disse à Chaplin: “O que mais admiro na sua arte, é que você não diz uma palavra e o mundo inteiro te entende.” E Chaplin respondeu: “Mas a sua glória é ainda maior, pois o mundo inteiro te admira, sem entender o que você diz...”.
Foto em preto-e-branco. Entre um grupo de pessoas, ao centro, Einstein e Charles Chaplin lado a lado, nesta ordem, Chaplin é mais baixo que Einstein, um idoso de pele branca, rosto redondo, cabelos brancos sem corte e em desalinho, sobrancelhas curtas, olhos amendoados, nariz  reto com narina larga e bigode espesso. Chaplin, um senhor de pele clara, rosto oval, cabelos grisalhos curtos penteados à esquerda, sobrancelhas retas, olhos amendoados, nariz afilado e lábios grossos. Ambos usam smoking com gravata borboleta e seguram chapéus, Einstein carrega sobre o antebraço esquerdo, um casacão xadrez. Sobreposto à foto em letras brancas lê-se: Einstein disse à Chaplin: “O que mais admiro na sua arte, é que você não diz uma palavra e o mundo inteiro te entende.” E Chaplin respondeu: “Mas a sua glória é ainda maior, pois o mundo inteiro te admira, sem entender o que você diz...”.